O nosso compromisso

Professor Paulo Ferreira

 

Desde a sua criação, a Comissão de Trabalhadores da Universidade de Aveiro tem procurado nortear a sua atuação com um espírito colaborativo com todos os órgãos institucionais, sempre na defesa dos interesses dos trabalhadores da UA.

Neste início de um novo ciclo, queremos expressar publicamente a nossa total disponibilidade para colaborar com o atual reitor e sua equipa, nos desafios que se avizinham.

A CTUA está completamente empenhada em colaborar com os órgãos institucionais em tudo o que se entenda necessário e útil, sempre na prossecução do nosso lema: “Por  uma UA mais unida e humanista”.

 

CTUA – Comissão de Trabalhadores da UA

 

35 horas – Publicação dos acordos conjuntos com Sindicatos – adesão ao acordo coletivo

Caros colegas trabalhadores da UA,

Informamos que as alterações decorrentes do referido acordo entram em vigor a partir de 1 de maio de 2018.
No entanto, só se tornam efetivas de forma automática para os trabalhadores sindicalizados nos sindicatos signatários dos referidos acordos, tendo os restantes trabalhadores, nas condições previstas, de efetuar junto da área de Recursos Humanos a sua opção de adesão.

Com os melhores cumprimentos,

O secretariado executivo
CTUA – Comissão de Trabalhadores da UA

Concursos

Caros Trabalhadores da UA
No sentido de informar todos os trabalhadores da UA sobre a questão dos últimos procedimentos concursais, transcrevemos de seguida o ponto 7 da ata de 26 de setembro de 2016 entre a Reitoria e a CTUA:

Ponto Sete- Política de reajustes nas carreiras de pessoal não docente – Ponto de situação

Sobre a política de reajustes nas carreiras de pessoal não docente, foi referido que se verificam alguns desajustes ao nível do enquadramento de alguns funcionários nas carreiras de pessoal não docente, e que o processo de ajustamento/regularização está a decorrer.

Assim, tendo em consideração a complexidade das funções desempenhadas e o mérito com que as pessoas cumprem as funções, foi decidido pela abertura de procedimentos concursais em regime privado a três níveis:

1. Desajuste da categoria dos trabalhadores face à complexidade das funções desempenhadas e ao mérito com que as desempenha – estando prevista a abertura de 12 procedimentos concursais.

2. Desajuste da posição remuneratória do trabalhador face à complexidade das funções desempenhadas e ao mérito com que as desempenha, estando prevista a abertura de procedimentos concursais que possibilitem o ajustamento da posição remuneratória de um conjunto de trabalhadores, cabendo aos dirigentes de cada Unidade a identificação dos trabalhadores nessa situação de reconhecido mérito e a priorização dos casos. Perspetiva-se que cada Unidade Orgânica de Ensino e Investigação identifique um perfil (RH) e que cada Serviço identifique dois. O Conselho de Gestão fará a avaliação integrada das propostas e a sua validação. Só depois será definido um calendário para abertura dos procedimentos concursais.

3. Preenchimento de lugares de chefia previstos na orgânica – prevê-se ainda em 2016, abertura de sete a oito procedimentos concursais para preenchimento dos lugares de chefia, Chefe de Divisão STIC, Chefe de Divisão SBIDM, Chefe de Divisão ACAL, Adjuntos de Direção para Unidades Orgânicas e Coordenadores de 3º nível para serviços cuja dimensão das equipas e complexidade da atividade o justifiquem.

Todos os procedimentos concursais são relativos a contratos em regime privado, pelo que foi abordada a necessidade de se informar os potenciais contemplados para preenchimento dos lugares e sobre as diferenças existentes entre os dois regimes.

 

 O secretariado executivo da CTUA

Obrigado

Professor Manuel Assunção,

A Comissão de Trabalhadores da Universidade de Aveiro tem norteado a sua atuação sendo firme na defesa dos justos interesses dos trabalhadores, assim como colaborativa com todos os órgãos institucionais.
Neste momento de mudança institucional, queremos agradecer publicamente a forma construtiva com que sempre conseguimos dialogar com a reitoria/administração da UA, que nos fez também crescer enquanto Comissão e que, sendo certo que nem tudo correu na perfeição, nos permite ter orgulho no caminho percorrido em conjunto.
A CT/UA conta com todos sempre em prol de uma UA mais unida e humanista.

CTUA – Comissão de Trabalhadores da UA

Jornadas de Curta Duração

O Centro de Formação Profissional do STFPSCentro vai promover para os trabalhadores da Universidade de Aveiro, Jornadas de Curta Duração, nas seguintes datas e temas:

SIADAP NA ÓPTICA DO AVALIADO – dia 13 Março
FÉRIAS, FALTAS E LICENÇAS – dia 15 Março
ORGANIZAÇÂO DE HORÁRIOS DE TRABALHO – dia 29 Março
CARREIRAS, VÍNCULOS E REMUNERAÇÕES – dia 12 Abril

As jornadas realizam-se no Anfiteatro do Departamento de Geociências das 10:00 ás 13:00

As inscrições, deverão ser efetuadas através do email apoioasocios@stfpcentro.pt até 3 dias úteis antes do inicio de cada jornada.

Assembleia Geral Ordinária de Trabalhadores – 7 de fevereiro – 15h00m – anfiteatro José Grácio – DEM

Caros colegas,

A Comissão de Trabalhadores da Universidade de Aveiro, nos termos e para os efeitos previstos no nº1 do Artigo 9º dos seus estatutos, convoca uma Assembleia Geral de Trabalhadores, para o próximo dia 7 de fevereiro, às 15 horas, a ter lugar no anfiteatro José Grácio (Departamento de Engenharia Mecânica) com a seguinte ordem de trabalhos:

1. Apreciação e votação da ata da reunião de 30 de novembro de 2016;
2. Apreciação da atividade desenvolvida pela Comissão de Trabalhadores;
3. Outros assuntos.

A convocatória, assim como a restante informação sobre as atividades desta comissão, podem ser consultadas em http://ct.ua.pt.

Comissão de Trabalhadores

A Comissão de Trabalhadores da UA fez 2 anos.

No dia 18 de Dezembro a Comissão de Trabalhadores da UA fez 2 anos.

Este ano foi essencialmente de afirmação da CT.
Neste aniversário e quando se avizinha um ano de mudanças na UA, gostaríamos de renovar o nosso compromisso de sermos firmes na defesa dos justos interesses dos trabalhadores.
Pretendemos assim manter o espírito colaborativo com todos os órgãos institucionais, tendo como objetivo uma UA de excelência, através da gestão e valorização dos seus Recursos Humanos, com particular atenção aos mecanismos de humanização das relações laborais.
Comissão de Trabalhadores

Comunicações UA

Caros colegas trabalhadores da UA,

A partir de hoje, a CTUA disponibiliza na sua página oficial (http://ct.ua.pt) uma interface web (no menu clicar em Consultório Jurídico Online) que permite aos trabalhadores da UA obterem esclarecimentos sobre a sua relação jurídica de emprego.

Outras informações:

– A UA está a finalizar as negociações com alguns sindicatos com vista à assinatura de um Acordo Coletivo de Trabalho em breve.

– O projeto e-cuidHaMUs pretende criar um sistema de integração de dados sustentável para monitorizar a saúde dos trabalhadores da Universidade de Aveiro. A CTUA esteve reunida com os investigadores do projeto de modo a aquilatar se estão a ser tomadas todas as medidas legais e éticas no armazenamento e manipulação de informação tão delicada sobre os trabalhadores da UA. Embora o projeto ainda esteja numa fase inicial e nem todas as peças estejam já implementadas, consideramos que para já estão reunidas todas as condições para os trabalhadores colaborarem no projeto. Pode ser obtida mais informação sobre o projeto em https://ecuidhamus.web.ua.pt/.